Talvez uma das tentativas de inovações mais famosas da Blizzard nesse último ano: Hearthstone é um jogo de cartas online, nos moldes de Magic: The Gathering e que tem povoado o imaginário dos fãs da empresa. Por muito tempo foi só o imaginário mesmo, já que pelo menos aqui no Brasil as beta-keys eram raras!! Todavia essas últimas semanas têm sido agitadas e muitas pessoas receberam a ativação em seus e-mails. No final do post eu ensinarei como você pode se inscrever, caso não tenha feito já!!

Símbolo HearthstoneTecnicamente ele é gratuito. Tecnicamente. A questão aqui é similar aos nossos conhecidos jogos de Facebook: você não precisa pagar para jogar, mas se investir alguns R$ nele certamente vai ter uma experiência com mais possibilidade de sucesso. Na atual versão beta existem duas formas de colocar dinheiro real no jogo: comprando boosters de cinco cartas (preço-base de R$ 6,50 por dois deles) ou pagando o ticket para entrar no modo Arena (R$ 4,50). Ambos podem ser pagos pela economia do game, custando 100g um booster e 150g o ticket. Até então a única coisa que o dinheiro real faz é acelerar seu progresso – e o faz de maneira colossal, de fato. Você fica forte mais rápido, mas nada que não dê pra fazer só com dedicação e tempo – muito tempo. Então não é pay-to-win, pelo menos não ainda.

Hearthstone é simples mas bem divertido. A mecânica é similar ao supracitado Magic, contando com pontos de mana que são usados para feitiços, invocações e habilidades. A diferença é cada turno você recebe um cristal de energia a mais e não há terrenos, ou seja: no primeiro turno há uma mana a sua disposição, no segundo duas e assim por diante. Há como acelerar esse processo via algumas habilidades e feitiços.

Leeeroooy~

Leeeroooy~

A grande inovação aqui fica por conta dos heróis: cada personagem tem uma habilidade diferente que pode ser usada dinamicamente no decorrer do jogo, usando da energia disponível a você. Por enquanto são nove classes diferentes: Druida, Caçador, Mago,  Paladino, Sacerdote, Ladino, Xamã, Bruxo e Guerreiro. Cada uma tem um deck básico com cartas que são específicas para o personagem, todavia podem ser completados com cards de unidades neutras disponíveis a todos.

Por enquanto temos três modos de jogo: Jogar, Treinar e Arena. No primeiro você escolhe seu deck (composto por nada mais nada menos do que trinta cartas – é obrigatório esse número) e joga contra um oponente aleatório. No segundo é a mesma coisa, mas contra a Inteligência Artificial do game. Já no último jaz a verdadeira diversão: o Modo Arena é onde Os Fracos Não Têm Vez. Ao entrar você pode escolher entre três classes disponíveis aleatoriamente, dentre as nove existentes. Logo após isso você começa a construir seu deck carta por carta, escolhendo entre três que vão aparecendo também randomicamente, ou seja: cabe a você fazer o melhor possível com o que lhe é dado. Finalizando esse processo tens uma missão simples: vencer o maior número de partidas possível antes de perder três vezes – condição que, caso ocorra, marca o fim da experiência e a destruição do seu deck. Cada vitória aumenta seu prêmio no final!! Além de emocionante, esse modo até agora me aparentou ser o mais equilibrado sendo que todos estão na mesma condição de aleatoriedade – a diferença é na capacidade de construção de deck e diferenciação de estratégia de cada jogador.

Outra coisa que é interessante de se falar é o método de criação de cards. Do menu de “minha coleção” onde pode-se ver seus cards atuais, você pode usar Pó Arcano (um material que você ganha destruindo outros cards, conquistando vitórias na Arena ou fazendo as missões diárias) para literalmente fazer a unidade ou feitiço que precisa no seu deck. É uma forma bem interessante de construção do seu jogo, ainda mais por poder ver o que o futuro reserva para a sua classe. Mas lembrando: esses decks não são usados na Arena!!

Na última missão do Tutorial jogamos contra o Illidan Tempesfúria...

Na última missão do Tutorial jogamos contra o Illidan Tempesfúria…

Por fim, Hearthstone ainda está engatinhando. O número de cartas disponível é super reduzido, as estratégias não podem variar muito entre si e existem classes que são naturalmente favorecidas em virtude de certos cards ou habilidades. Ainda assim é diversão garantida pra quem gosta de cardgames, com uma interface muito bem feita e sendo totalmente em português (inclusive as falas!) e com piadas e traduções bem pensadas, se torna uma experiência cômica!! Com certeza vale a pena se inscrever no beta e ter a chance de curtir o game por algumas horas – e quem sabe virar um jogador de cards virtuais?

Como se inscrever:

  1. Entre no site oficial http://us.battle.net/hearthstone
  2. Clique em Cadastro do Beta.
  3. Faça seu Login com a conta do Battle.net.
  4. Na próxima janela, nessa próxima tela pode aparecer 2 coisas:
    Se você já se inscreveu para algum jogo Beta da Blizzard vai aparecer uma lista “Testes Beta nos quais estou interessado”, ai você precisa somente marcar a opção Hearthstone e atualizar.
    Se você nunca se inscreveu para o Beta de nenhum jogo da Blizzard vai aparecer uma tela de “Criar um perfil beta” com duas opções de download.
    OPÇÕES
    escolha a melhor opção para seu computador e faça o download.
  5. Execute o arquivo que você acabou de baixar e clique em “Enviar”.
  6. Uma janela irá abrir com todas as informações do seu computador, verifique se a opção Hearthstone está marcada em baixo de “Testes Beta nos quais estou interessado”.
  7. Estando marcado clique em Atualizar Preferências.

Agora é só rezar pra quaisquer Deuses que você acredite e esperar que a chave chegue no seu e-mail!!