Eis que surge mais um filme de zumbi nas telonas, seu nome? Guerra Mundial Z. Dirigido por Marc Foster, o filme busca “apresentar” o gênero para o público de uma forma diferente. Mas como? Para uma boa renda, a superprodução do filme diminuiu a classificação, então nada de sangue e violência em excesso, caso contrario nossos pimpolhos não poderiam desfrutar desta “guerra” que assola a humanidade, e com mais “visualizações” mais renda.  Mesmo assim, Guerra Mundial Z cumpri seu papel, incrementando uma boa pitada de ação que só se vê em bons jogos de guerra e bastante suspense.

Guerra-Mundial-Z-002

Partindo da premissa que o mundo a muito já está “prejudicado” devido a poluição, aquecimento global e entre outros problemas que fazem parte da nossa realidade, Guerra Mundial Z surge com “a doença”. Ataques de raiva, pessoas se matando do nada, esses são um sintomas ou pelo menos um ato que se alastra rapidamente pelos países, até que chega aos Estados Unidos da América, onde nosso herói, Gerry Lane (Brad Pitt), é um ex-investigador das Nações Unidas e pai de família, que fará de tudo para manter seus entes queridos a salvo. Para isso, ele deve sair de sua aposentadoria e se arriscar em descobrir mais sobre a doença, garantido assim a segurança de sua família no porta-aviões do exercito.

Mesmo sem a violência em excesso e a falta de sangue, o filme compensa com seus sustos e suspenses durante as correrias. Outro ponto forte são os efeitos visuais dos zumbis nas cenas onde grande hordas surgem, assim como explosões e outros efeitos que marcam a qualidade hollywoodiana. A maquiagem ganha muito no filme, deixando os horrendos mortos-vivos cada vez mais decrépitos e convencendo mais o público. Vale também ressaltar a atuação de Brad Pitt, ele é o ladrão dos focos principais do filme e o herói escolhido para essa guerra da humanidade. E já que ele – e apenas ele – faz todo “verdadeiro trabalho”, podemos apelida-lo de “exercito de um homem só”.

Guerra-Mundial-Z-001

Pode não ser o melhor filme de zumbi, mas apresenta novidades que surpreendem mesmo contendo alguns clichês (que nunca podem faltar) e preenchem a falta de sangue e violência que já se é esperado no gênero com essas novidades. Guerra Mundial Z não falha em representar esse gênero de filmes de horror e suspense. Agora cabe a você ser contaminado por esse filme ou não.

Critica enviada por Thiago Santos.