Quando a Spike anunciou que apertaria o botão de reset no seu Video Game Awards e passaria a ouvir o feedback dos fãs para melhorar o evento no que viria a se tornar o VGX, todo mundo pensou que esta seria uma premiação pelo menos razoável. E o que aconteceu foi o exato oposto disso.

No decurso da premiação, você podia ver na cara do Geoff Keighley a expressão de desgosto ao ter de partilhar o evento com o ator da série Community, Joel Mchale, e suas piadas terríveis que não pouparam nem o próprio público que assistia à transmissão na hora. E do início ao fim, o evento foi uma decepção, com novidades que não eram nada interessantes, como a presença do Reggie simplesmente para anunciar que Cranky Kong estará em Donkey Kong Tropical Freeze, trailers insossos seguidos de entrevistas tão chatas quanto, e prêmios dados a jogos que ninguém esperava ou queria que ganhasse. Um exemplo disso é quando Gone Home ganhou o prêmio de melhor jogo independente e exatamente ninguém aplaudiu a premiação.

2578078-vgx_joelandgeofflittlebrother

Três horas de decepções à parte, o evento também teve suas raras partes boas, como o trailer de Broken Age, o adventure no melhor estilo à moda antiga feito pelo Tim Schafer, que ficou famoso por ter sido uma das empreitadas mais bem sucedidas do Kickstater, e depois porque o Tim anunciou que, mesmo com a grana bem recebida, o dinheiro havia sido insuficiente para terminar o desenvolvimento do jogo, obrigando-o a dividir o jogo em duas partes, com o dinheiro de uma sendo usado para custear a outra. A primeira parte, com lançamento pra janeiro do ano que vem, conta a história de uma garota que resolve lutar contra os costumes de sua tribo ao ser escolhida como o sacrifício da vez para uma espécie de monstro. E a segunda parte, pra abril ou maio, conta a história de um garoto que também decide lutar, mas desta vez contra a inteligência artificial com impulsos maternais que tenta evitar que ele se meta em aventuras. Para quem se interessou pela proposta, você pode esperar até janeiro para comprar o jogo ou você pode dar 30 dólares no site da Double Fine, o que te dá acesso a um código no Steam (ou uma versão sem DRM, se preferir) e acesso aos fóruns privados e ao documentário feito em parceria com a 2 Players Productions, os criadores do documentário Minecraft: The Story of Mojang, que você pode ver de graça no youtube se quiser.

Tiveram alguns trailers interessantes, como o trailer de The Witcher 3, mas o que realmente roubou a cena, e para alguns salvou a premiação, foi a apresentação de No Man’s Sky, um jogo desenvolvido pela Hello Games, os responsáveis pela série Joe Danger, que leva o conceito de exploração espacial à enésima potência ao permitir que você não só explore galáxias, como também planetas, mares, florestas, tudo. E gerado proceduralmente, o que é extremamente surpreedente, pois um jogo deste calibre está sendo feito por uma equipe de 4 pessoas que até agora só fez duas versões caricatas de Trials. Isto é realmente impressionante

E a última coisa realmente boa do evento foi o vídeo de agradecimento da Naughty Dog ao ganhar o prêmio de estúdio do ano (que estranhamente não ganhou o prêmio de jogo do ano), aonde, no final do vídeo, eles fizeram o carrancudo Joel imitar a expressão do Antonio Banderas no filme Assassins, cuja expressão acabou se tornando um meme na internet, principalmente para coisas relacionadas ao Playstation. Pra quem já conhecia o meme ou passou a conhecer agora, você pode ver a coleção completa clicando aqui.

E assim terminou a VGX, um evento que deixou uma sensação de retrocesso, com apresentadores terríveis, atrações chatas e prêmios em sua maioria dados a jogos que certamente não mereciam ter recebido. Se você perdeu a premiação, sinta-se agradecido, já que a lista dos indicados e vencedores estará disponível aí embaixo.

Jogo do ano

  • Grand Theft Auto V
  • BioShock Infinite
  • Super Mario 3D World
  • The Last of Us
  • Tomb Raider

Estúdio do ano

  • Naughty Dog
  • Irrational Games
  • Rockstar North
  • The Fullbright Company

Melhor jogo independente

  • Gone Home
  • Kentucky Route Zero
  • Papers, Please
  • The Stanley Parable

Melhor jogo para Nintendo

  • Super Mario 3D World
  • Pikmin 3
  • Rayman Legends
  • The Wonderful 101

Melhor jogo para PC

  • Gone Home
  • Battlefield 4
  • Papers, Please
  • The Stanley Parable

Melhor jogo para PlayStation

  • The Last of Us
  • Grand Theft Auto V
  • Rayman Legends
  • Tomb Raider

Melhor jogo para Xbox

  • Brothers: A Tale of Two Sons
  • BioShock Infinite
  • Grand Theft Auto V
  • Tomb Raider

Melhor jogo para portátil

  • The Legend of Zeld: A Link Between Worlds
  • Animal Crossing: New Leaf
  • Pokemon X/Y
  • Tearaway

Melhor DLC

  • Far Cry 3: Blood Dragon
  • Borderlands 2: Tiny Tina’s Assault on Dragon Keep
  • Dishonored: Knife of Dunwall
  • Mass Effect 3: Citadel

Melhor jogo de ação e aventura

  • Assassin’s Creed IV: Black Flag
  • Grand Theft Auto V
  • The Last of Us
  • Tomb Raider

Melhor RPG

  • Ni no Kuni: Wrath of the White Witch
  • Final Fantasy XIV Online: A Realm Reborn
  • Fire Emblem: Awakening
  • Pokemon X/Y

Melhor jogo de luta

  • Injustice: Gods Among Us
  • Divekick
  • Killer Instinct
  • Tekken Revolution

Melhor jogo de esporte

  • NBA 2K14
  • FIFA 14
  • MLB 13: The Show
  • NHL 14

Melhor shooter

  • BioShock Infinite
  • Battlefield 4
  • Call of Duty: Ghosts
  • Metro: Last Light

Melhor jogo de corrida

  • Forza Motorsport 5
  • F1 2013
  • Grid 2
  • Need for Speed Rivals

Melhor jogo casual

  • Animal Crossing: New Leaf
  • Disney Infinity
  • Plants vs. Zombies 2: It’s About Time
  • Skylander Swap Force

Melhor dublador

  • Troy Baker como Joel (The Last of Us)
  • Troy Baker como Booker DeWitt (BioShock Infinite)
  • Steven Ogg como Trevor (Grand Theft Auto V)
  • Willem Dafoe como Nathan Dawkins (Beyond: Two Souls)

Melhor dubladora

  • Ashley Johnson como Ellie (The Last of Us)
  • Courtnee Draper como Elizabeth (BioShock Infinite)
  • Camilla Ludington como Lara Croft (Tomb Raider)
  • Ellen Page como Jodie Holmes (Beyond: Two Souls)

Melhor trilha sonora

  • Grand Theft Auto V
  • BioShock Infinite
  • Ni no Kuni: Wrath of the White Witch
  • The Last of Us

Melhor música

  • “Will the Circle be Unbroken”, por Courtnee Draper e Troy Baker (BioShock: Infinite)
  • “A.D.H.D”, por Kendrick Lamar (Grand Theft Auto V)
  • “Sleepwalking”, por The Chain Gang of 1974 (Grand Theft Auto V)
  • “Survival”, por Eminem (Call of Duty: Ghosts)

Jogo mais antecipado

  • Titanfall
  • Destiny
  • South Park: The Stick of Truth
  • The Witcher 3: Wild Hunt
  • Watch Dogs

Personagem do ano

  • Os gêmeos Lutece (BioShock Infinite)
  • Lara Croft (Tomb Raider)
  • Trevor Philips (Grande Theft Auto V)
  • Naiee e Nyaa (Brothers: A Tale of Two Sons)

Melhor jogo para móbile (smartphones/tablets)

  • Plants vs. Zombies 2: It’s About Time
  • Angry Birds Star Wars
  • Infinity Blade 3
  • Ridiculous Fishing