O termo Shipper muito utilizado na internet entre fãs de filmes, livros, games, histórias em quadrinhos, mangás e principalmente séries de tv para designar aquelas pessoas que admiram e discutem os relacionamentos românticos e/ou de amizade entre personagens fictícios e celebridades.

Por serem em sua grande maioria mulheres, as shippers costumam ser confundidas com fangirls, porém existe uma grande diferença entre as duas coisas. Fangirls são admiradoras ou tietes de um determinado ator ou personagem; Shippers são pessoas que se interessam por todo o conteúdo do casal em si, desde a mitologia da história em questão até aspectos psicológicos dos personagens envolvidos.

Existem basicamente duas designações para shipper: os que apóiam um romance são chamados simplesmente de shippers e aqueles que apóiam uma amizade são chamados de friendshippers. Porém essa divisão não se refere aos mesmos personagens. Por exemplo, uma pessoa pode ser shipper de Lois Lane & Clark Kent enquanto é friendshipper de Clark e Jimmy Olsen.

Acredita-se que a palavra “shipper” tenha surgido entre os fãs da série Arquivo X, que já usavam esse termo em 1996 para determinar aqueles que viam uma ligação romântica entre os agentes Fox Mulder e Dana Scully indo contra outra parcela dos fãs que se auto-denominavam NoRomos (No Romance) e insistiam que a série não precisava de romance.

Baseados na palavra relationship (relacionamento, na língua inglesa), surgiram os termos: Ship: um determinado casal (ex: esse é meu ship predileto de Harry Potter) Shipper: pessoa que torce por um casal (ex: sou shipper do Han Solo & da Princesa Leia) Shippar: a pratica de torcer por um casal (ex: eu shippo Ross & Rachel).

Classificando Shipper

Canon Ship ou Conventional Couple Canon Ship é um casal que de alguma forma foi pré-estabelecido na história original. Se o autor deixou claro que esses dois personagens estão, irão ou poderão ficar juntos, eles são Canon.

Cult Ship ou Unconventional Couple Cult Ship é um casal que não foi estabelecido no seriado. É o oposto de Canon Ship, pois não existem evidencias românticas entre eles. Também são chamados de Fanon Ship

Slash são os casais homossexuais, sendo slash a versão masculina e femslash a versão feminina. O termo surgiu nos anos 70 com fanfics sobre Spock e Capitão Kirk de Jornada nas Estrelas, pois os autores das fanfics utilizavam uma barra (/) que em inglês chama-se “slash” para escrever os nomes dos personagens na descrição das histórias.

 


Atualmente nos mangás e animes é utilizado o X para denominar Shippers famosos como por exemplo Matsumoto x Gin de Bleach.

Nomenclaturas

A forma mais utilizada é embaralhar os nomes dos dois personagens formando uma só palavra (ex: WolvGray – Wolverine e Jean Gray de X-Men), porém alguns grupos preferem utilizar apenas as iniciais dos nomes (ex: HEN – Hinata e Naruto do anime/Mangá Naruto) e outros ainda preferem escolher uma palavra ou termo que remeta ao casal (ex: Guardian Angel – Sydney & Vaughn de Alias).

Ship Wars

A “Guerra dos ships” ocorre quando existem dois grupos diferentes disputando um mesmo personagem. Geralmente são dois grupos, cada um torcendo para uma vertente de um triângulo amoroso, mas também podem ocorrer casos de brigas entre shippers Canon e Cult.

Na maioria dos casos as pessoas acaba apoiando também outros casais que indiretamente possam atrapalhar o casal oposto ao seu. As ship wars são caracterizadas por ferozes discussões, ataques indiretos e troca de ofensas em fóruns, grupos de discussão ou blogs. Os dois casos de ship wars mais conhecidos estão nos livros de Harry Potter e na série de tv LOST embora nos animes a coisa se torna deveras calorosa, principalmente no gênero Shonem cujo romance é limitado.

Produções

Os shippers geram fanarts [desenhos e pinturas], fanfics [textos e contos] e fanvideos que estão aos milhares na internet. Os multifandons organizam ate mesmo contest onde a imaginação se faz presente.

E você, gosta de algum Shipper? Porque? Conte pra gente, comente! ;D