Com a distribuição de jogos digitalmente, os DLCs (conteúdos adicionais baixáveis) viraram praticamente uma regra quando se trata de produção de jogos, sendo que até jogos independentes trabalham dessa forma, causando um ódio na comunidade de jogadores, pois, tirando raros casos, esses conteúdos devem ser pagos a parte. Muitas discussões são feita na net olhando só um dos lados da moeda, então eu gostaria de dar a minha opinião geral.

Por que o DLC existe?

Os orçamentos estão ficando gigantescos e só o valor do jogo principal não é suficiente para financiá-lo. Isso acontece pela concorrência que força outras empresas a oferecerem sempre mais. Veja, por exemplo, GTA 5. Jogos que vierem depois serão comparados com ele e terão que correr atrás de entregar um mínimo de possibilidades, mas para isso, é necessário um investimento muito grande, maior até do que o público-alvo pode comprar. Assim as empresas entram em um dilema: Fazem um jogo menor, mas que vai vender muito menos ou fazem um jogo maior e tentar ganhar em DLCs? A segunda opção é a que mais acontece.

DLC 001

Quando um DLC é bom?

Muita gente diria “nunca”, porém eu não concordo. Quando um conteúdo extra é apenas algo que acrescenta, não vejo mal nenhum. No planejamento de um jogo, se define até onde ele vai e os DLCs bons são aqueles que vão além disso, feitos depois que o jogo principal foi entregue e caso a empresa escolhesse não usar esse recurso, aquele conteúdo extra nunca existiria para quem quer comprá-lo.

Quando um DLC é ruim?

Não existe desculpa para entregar finais apenas pro DLC, como foi feito em Asura Wrath. Você pagou por aquela história e terá que pagar mais para ver o verdadeiro final?! Eu não pagaria. Acho que até válido o jogo te mostrar que existem alguns conteúdos extras para serem comprados, mas parar uma quest no meio e falar que ela só continua no DLC, eu não aprovo.
Colocar o DLC dentro do disco do jogo é uma das piores práticas. Eu comprei o jogo, eles me entregam o disco, mas bloqueiam parte de conteúdo para vendê-lo como se fosse DLC. Peraí, eu comprei o disco e os dados contidos nele, não foi?! Acho que eu deveria ter o direito de usar as minhas posses do jeito que eu desejar, sem ser banido por pirataria, já que comprei o jogo, mas não é assim que acontece.

DLC 002 AsurasWrath

 Asura’s Wrath – O jogo que se você quiser saber o final, vai ter que pagar mais

Nunca dá para saber com exatidão, mas tem algumas empresas que parecem que no lugar de te darem algo a mais nas DLCs, eles repartem o jogo principal para vender fragmentos dele como se fossem extras, mas eles são parte integrantes do principal e sem elas, você não vai entender o todo ou apreciar o jogo completamente. Se o jogo principal ainda fosse de graça, mas não, você paga por ele e mais uma fortuna em outros conteúdos menores, gastando até mais neles do que no jogo principal.

Conclusão

DLC só existe porque o jogador quer mais possibilidade e está disposto a gastar muito com isso. Parte da culpa é das empresas, mas quando nós julgamos determinado jogo por ser limitado tanto graficamente, quanto em suas possibilidades, estamos contribuindo para que essa situação só piore.