O que acontece quando você reúne quatro mágicos talentosos mas quase anônimos e os coloca em uma missão quase suicida em nome da fama?

now-you-see-me-poster02

 

Em uma trama onde nada é o que parece, temos o ilusionista Daniel Atlas (Jesse Eisenberg), o mentalista Merritt McKinney (Woody Harrelson), a ex-assistente de Daniel e agora queridinha dos palco Henley Reeves (Isla Fisher) e o novato Jack Wilder (Dave Franco). Após serem recrutados por uma figura misteriosa, eles se juntam para formar “Os quatro cavalheiros” e tornam-se mais famosos do que poderiam imaginar e passam a ser agenciados por Arthur Tressler (Michael Caine), dono de uma companhia de seguros que tem a certeza de estar investindo em um negócio de alto retorno.

Em uma apresentação em Las Vegas os quatro mágicos realizam um ousado roubo à um banco de Paris, é o desfecho perfeito, mas como é possível roubar um banco do outro lado do mundo sem sair de perto da platéia?

É isso que o agente Dylan Rhodes (Mark Ruffalo) – que diga-se de passagem parece não ter conseguido sair de Bruce Banner ainda – e a agente da INTERPOL Alma Dray (Mélanie Laurent) pretendem descobrir com a ajuda de Thaddeus Bradley (Morgan Freeman), um ex mágico que ganha a vida desvendando truques de mágica em um programa de TV e qualquer semelhança com o Mister M não é mera coincidência!

NOW YOU SEE ME

Sem nenhum remorso, Bradley revela ao agente Rhodes o grande segredo dos mágicos, mas o assalto ao banco é apenas o início de um plano misterioso e muito bem arquitetado, sem saber o por que, mas bastante motivados, os cavalheiros seguem em frente para realizar o truque de suas vidas e terem seus nomes marcados na história. O importante não é o motivo e sim o truque, e ele acontece diante dos olhos de uma platéia cada vez mais maravilhada.

NOW YOU SEE ME

Mas como eu disse no início, nesse filme nada é o que parece, prepare-se para perder o fôlego do início ao fim e se surpreender com cada personagem peculiar dessa história. O filme garante ótimos efeitos especiais – ok, alguns bem forçados – muita ação e um roteiro muito bem elaborado por Ed Solomon (MIB e As Panteras) e muito bem dirigido por Louis Leterrier (Fúria de Titãs e O incrível Hulk), a cada revelação você se prende mais ao enredo, até se ver na beira da poltrona roendo as unhas de ansiedade esperando o próximo show. Prepare-se para perder o fôlego e ser surpreendido pelo maior truque de mágica de todos os tempos, mas lembre-se: Quanto mais de perto você olhar, menor vai conseguir enxergar!

 

 

 

 

 

now-you-see-me-pic

 

 

Esse artigo é uma colaboração de Cal Bueno.