Pois bem, esse foi rápido não? (não, mas eu comecei a escrevê-lo logo depois de postar o último e.e)
  Vou cruzar um pouco a linha que existe entre os reviews do nosso blog e entre os gêneros japoneses e resenharei (isso é uma palavra?) sobre um mangá de um autor mais conhecidos por suas obras televisionadas.
  Do autor de todos os Kamen Riders da era Shouwa e, ao que me dizem, de alguns da era Heisei, antes de morrer, trago a vocês Cyborg 009:

  Cyborg 009 é um Seinen de gêneros Ação, Aventura e Ficção Científica. É escrito e desenhado por Ishinomori Shōtarō.

  Sinopse: O mundo está à beira da destruição. A era nuclear trouxe consigo uma corridade armamentista, gerando material béçico suficientepara destruir todo o planeta Terra. Em busca de evitar o armagedon, os poderes políticos do mundo, em conjunto com uma organização conhecida apenas como Black Ghost (Fantasma Negro), começaram a produção de supersoldados, conhecidos como Cyborgs, projetados para combate no espaço sideral. Infelizmente, o Black Ghost não considerou perguntar aos Cyborgs se eles aceitariam sua posição nessa nova ordem mundial.

  Finalmente chegamos em um mangá para adultos. Não por ter muito sangue, tripas, sexo ou qualquer desses temas “inapropriados” para menores de idade, mas porque ele tem uma mensagem, porque seu objetivo é nos fazer pensar sobre tantas coisas que nós consideramos normais e naturais nesse mundo, nessa sociedade em que vivemos.
  A arte não é boa, muitas vezes é, inclusive, incapaz de passar a tensão e a importânica de algumas situações. Para aqueles que estão dispostos a ouvir o que o mangá tem a dizer isso deixa de ser importante, ao se imergir em uma estória, e quando esta é verdadeiramente boa, todo o resto deixa de existir, o fato do traçado não ser uma obra de arte não importa pois tudo que é visto é a estória. Essa é a sensação desse mangá e eu sinceramente espero que tantos quanto for possível de vocês e de qualquer pessoa que leia-o sejam capazes de perceber isso tanto quanto, ou mais do que eu percebi.
  Eu poderia dizer agora que nem tudo é tão espetacular nesse mangá. Que o autor representa algumas das etnias de uma forma tão caricata que é insultante. Eu inclusive considerei falar isso porque, até agora pouco era essa a minha impressão e, enquanto eu tentava colocar isso em palavras eu comecei a pensar: sejamos sinceros, a arte do Ishinomori não é excepcional, verdade seja dita, sequer é boa, a única maneira que lhe sobra para expressar o multinacionalismo de sua obra é apelar a características que identificariam imediatamente a realidade de cada personagem. Mas, no final das contas, é apenas a forma que ele encontrou, dentro de seus meios, para suas personagens fossem reconhecíveis, se ele utilizou de estereótipos físicos para fazê-lo, eu não me importo, a mensagem foi passada. E essa é a beleza desse mangá, ainda hoje, anos depois de tê-lo lido pela primeira vez ele me faz pensar, renovar meus conceitos, mesmo que seja algo simples como isso.

Ficha técnica:

Título Original: Cyborg 009 / サイボーグ
Gênero: Seinen
Volumes até o momento: 36
Status de publicação: Completo
Escritor(es): Ishinomori Shōtarō
Artista(s): Ishinomori Shōtarō
Serializado Originalmente em: Shogakukan
Publicado Originalmente por: Akita Shoten
Ano: 1964

Arte: 4.0
Conceito: 10.0
Desenvolvimento: 8.5
Originalidade: 10.0
Personagens: 8.0

Legenda:


Arte: Dãh……
Conceito: mensagem passada, idéia sobre a qual a estória é escrita.
Desenvolvimento: capacidade de manter a estória consistente, quando possível, surpreendente.
Originalidade: o quão inovativa é a estória. os elementos com os quais se trabalha.
Personagens: quão bem foram trabalhados, se há inconsistências em suas ações.

Bônus: Uma das melhores imagens da série em toda a internet, por um excelente artista que me permitiu colocar aqui ^^

Aqui estão
o perfil de Som66: http://som66.deviantart.com/
e o link para esta imagem: http://som66.deviantart.com/gallery/#/d25kbv4

  É isso, no meu ritmo esperem por mais um review daqui a uns dois anos ou quando o dono do blog me der outra bronca XD Espero ter outro pronto em duas semana, até. o/

There are 2 comments

Entre na conversa, deixe sua opinião

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *