Criado pela Thatgamecompany, a criação de  Journey durou três anos e foi bastante conturbada. Com um prazo inicial para produção de apenas um ano, Journey acabou levando três vezes mais tempo para ser finalizado. O jogo foi projetado como um jardim japonês, todo e qualquer elemento que fosse desnecessário e que não combinasse com a concepção original foi removido, de forma a deixar que as emoções que os desenvolvedores queriam inspirar nos jogadores florescessem da forma mais harmônica possível.

Após inúmeras dificuldades, desavenças e brigas internas, Journey foi lançado em  13 de março de 2012, exclusivamente para Play Station 3, e foi o último projeto da Thatgamecompany feito unicamente para a Sony.

ce18f0e294dfa28fb5c9f854284f5084501e81d5

 

Então vamos ao jogo. Ele se passa em um deserto escaldante de onde só se tem vista de uma Grande Montanha com uma luz que sai do seu topo e lá está o objetivo. Cada jogador controla um personagem encapuzado que são diferenciados por runas desenhadas nas bordas dos mantos. Em momento algum há qualquer tipo de comunicação ou instrução por palavras, conversas ou textos no jogo, tudo é feito por meio de gestos e sons, que se harmonizam lindamente com a trilha de  fundo.

Para alcançar a Montanha os personagens percorrem o mapa em busca de runas que os ajudam a flutuar por certo tempo, cada nova runa encontrada aumenta o tamanho de seu cachecol e o tempo de voo do personagem, naturalmente as runas de gastam e é necessário recarregá-las em pergaminhos voadores espalhados por todo o trajeto.

Journey-Desert-Trek

 

Normalmente se faz todo o percurso com seu personagem sozinho, mas é possível  fazê-lo em parceria de outro jogador, sem sequer o conhecer, ou mesmo, saber quem é ele. Passa-se por todas as dificuldades e surpresas que o jogo reserva sem qualquer contato. Cria-se um laço de companheirismo, amizade e senso de grupo e toda forma de interação que se tem são os sons melodiosos emitidos através dos pequenos encapuzados.

O bônus fica por conta da trilha sonora lindamente produzida por Austin Wintory e no Spike Video Game Awards de 2012,  Journey  venceu nas categorias de melhor jogo de PlayStation 3, melhor jogo independente e melhor trilha sonora original, além do cenário ricamente trabalhado com composições de cores e formas impecáveis ele passeia por diversos cenários e dá um show em muitos jogos que receberam o dobro de investimento.

journey

 

Journey foi projetado para ser intuitivo, para que assim o jogador explorasse e sentisse admiração sem instruções explícitas. O arco de história foi criado para seguir do monomito, ou jornada do herói, para engrandecer a conexão emocional dos jogadores enquanto progridem juntos. Ele deixa um abrangente espaço para interpretação de sua história e para muitos jogadores, esse é mais do um jogo de aventura, um jogo de amizade. Vale a pena conferir!

Vídeos: